Crie um atalho do M&E no seu aparelho!
Toque e selecione Adicionar à tela de início.
De acordo com a legislação atual, informamos que a nossa empresa NÃO utiliza cookies para melhorar experiências a quem nos acessa. Por favor leia nossa Política de privacidade e saiba mais sobre a transparência e Governança Corporativa da nossa organização.
OK

Serviços

Instagram: saiba como utilizar a plataforma para impulsionar a venda de viagens

Marta Poggi, especialista em tendências digitais para o turismo e a hotelaria

Marta Poggi, especialista em tendências digitais para o turismo e a hotelaria

O Instagram é uma das plataformas sociais mais potentes em visualização. Atualmente, são mais de 66 milhões de perfis apenas no Brasil, país que ocupa a segunda colocação no ranking de usuários da rede social. Devido ao seu alto engajamento, esse pode ser um dos meios de venda mais ativos de uma agência de viagens. Mas, como usar os serviços disponíveis da maneira correta? Algumas dicas podem auxiliar o agente de viagens a inovar e oferecer seus produtos de maneira mais atraente.

O principal fator que torna o Instagram uma plataforma atraente para os agentes e seus clientes é o fato de que ela é altamente visual. Ou seja, é possível investir na qualidade de fotos e vídeos, utilizando um texto mais específico e atraindo os visitantes ao site oficial de vendas. Muito além do que se ouve sobre um destino, as pessoas se interessam por viagens em que elas conseguem visualizar os atrativos. Não é a toa que 65,3% dos viajantes se interessam por determinados destinos depois de ver fotos de amigos e familiares viajando. Com imagens atraentes e textos interessantes, o número de visitantes e interações orgânicos – sem publicidade – pode aumentar consideravelmente, atraindo um maior número de seguidores para o seu perfil.

“O Instagram é a melhor mídia social para promover destinos e serviços turísticos. Costumo dizer que é a rede feita ou perfeita para o turismo, pois o apelo visual é muito forte e se bem trabalhada, pode gerar muitas vendas”, afirmou a especialista Marta Poggi, consultora de Transformação Digital, Inovação & Tendências no Turismo e Hotelaria. “Para ter sucesso com o Instagram (e qualquer outra rede social) é fundamental ter estratégia. Postar por postar não traz resultado. As marcas precisam definir seus objetivos, o público alvo que deseja atrair e converter. A partir daí elas podem criar um conteúdo que seja realmente relevante”, completou.

É válido acompanhar a métrica disponibilizada pela plataforma

É válido acompanhar a métrica disponibilizada pela plataforma

Um dos pontos de maior atenção com a utilização do Instagram é entender que essa é uma plataforma social e não de vendas. Ou seja, é necessário investir na relação com os clientes e oferecer conteúdos interessantes para então começar a mencionar os produtos. É necessário ter cuidado para não encher o ‘feed’ ou ‘linha do tempo’ dos seus seguidores, isso pode acabar estragando a imagem de sua empresa. Portanto, antes de disponibilizar de fato um produto no seu perfil, ofereça assuntos de interesse do seu possível cliente. Dessa maneira, ele terá interesse no seu conteúdo e quando, ocasionalmente, você publicar um serviço ou produto, ele também poderá se interessar em ler sua publicação.

“É importante lembrar que ninguém entra no Instagram com a ideia de que vai fazer uma compra, mas acaba comprando em função de como as marcas se posicionam e apresentam seus produtos na rede social. A principal preocupação das empresas deve ser criar relacionamento com a sua audiência e não oferecer ofertas. Com bons conteúdos a empresa atrair novos seguidores, mantém relacionamento com eles e no momento adequado faz negócios”, afirma Poggi.

Se utilizada da maneira correta, a plataforma do Instagram trará grandes resultados aos agentes de viagens. Por isso, explore todos os recursos disponíveis, como stories, hashtags, imagens bonitas, sorteio de produtos e conteúdos relevantes. Acompanhe também as métricas disponibilizadas em seu perfil, assim você saberá se está seguindo no caminho certo ou se precisa mudar a estratégia.

Receba nossas newsletters