Crie um atalho do M&E no seu aparelho!
Toque e selecione Adicionar à tela de início.

Parques e Atrações

Brasil tem seis dos dez parques aquáticos mais visitados na América Latina

Crédito: Divulgação/Thermas dos Laranjais

Thermas dos Laranjais lidera na América Latina em número de visitantes. Crédito: Divulgação/Thermas dos Laranjais

O Brasil emplacou seis parques na lista dos dez parques aquáticos mais visitados da América Latina, de acordo com o relatório Theme Index 2018, elaborado pela TEA/AECOM (Associação das Empresas de Entretenimento). O destaque fica por conta do Thermas dos Laranjais, localizado em Olímpia (SP), que lidera o ranking na região, com um total de 1,9 milhões de visitantes em 2018. Completam a lista de brasileiros, o Hot Park Rio Quente (3º), Beach Park (5º), Wet’n Wild (8º), Thermas Water Park (9º) e Hot Beach (10º).

No ranking mundial, o Thermas dos Laranjais apararece na 4ª posição, atrás apenas de Chimelong Water Park, da China, e Typhoon Lagoon e Disney’s Blizzard, ambos localizados no complexo Walt Disney World Resort, em Orlando, nos EUA. Já o Hot Park Rio Quente aparece na 9ª colocação.

Para o ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio, resultados como esse reforçam o potencial do Brasil para desenvolver o setor e converter turismo em geração de emprego e renda para a população. “Temos tido respostas bastante positivas das nossas ações em todos os segmentos, e isso só vem para confirmar que estamos no caminho certo quando apoiamos vocações, oferecemos ferramentas para estruturação dos destinos e criamos programas para a diversificação da oferta. Criamos um grande estímulo ao turismo doméstico ao oferecer competitividade aos destinos”, avalia o ministro.

O presidente do Sindicato Integrado de Parques e Atrações Turísticas (Sindepat), Murilo Pascoal, comemorou o crescimento da movimentação de turistas nos parques no Brasil. “O ranking confirma a força do setor de parques no nosso país e sua importância para o turismo na América Latina. Mas temos muito espaço para ampliar os empreendimentos existentes, bem como para estimular o surgimento de novas ofertas, uma vez que a demanda comprovadamente existe. É importante que consigamos vencer batalhas históricas do setor para avançar ainda mais”, ressaltou.

OSCILAÇÃO

Apesar da boa colocação, os parques brasileiros apresentaram um queda de público no ano de 2018, na comparação com o ano anterior. O líder, Thermas dos Laranjais caiu 1,8%, de 2 milhões para 1,97 milhões. Hot Park (1,43 milhões) e Beach Park (950 mil) também apresentaram queda de público de 3,2% e 7,6%, respectivamente, na comparação com 2017.

Já os outros três da lista apresentaram crescimento. O Wet’n Wild cresceu 5%, chegando a 500 mil visitantes. Thermas Water cresceu 22,7%, para 481 mil, e Hot Beach avançou 90%, passando de 234 mil para 462 mil.

Confira o ranking:

Parques aquáticos américa latina

Receba nossas newsletters
 

Para compartilhar esse conteúdo, por favor utilize o link https://www.mercadoeeventos.com.br ou utilizando uma das formas de compartilhamento dentro da página. Todo o conteúdo produzido pelo Mercado & Eventos é protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral. Não reproduza o conteúdo sem autorização.