Crie um atalho do M&E no seu aparelho!
Toque e selecione Adicionar à tela de início.
De acordo com a legislação atual, informamos que a nossa empresa NÃO utiliza cookies para melhorar experiências a quem nos acessa. Por favor leia nossa Política de privacidade e saiba mais sobre a transparência e Governança Corporativa da nossa organização.
OK

Destinos / Feiras e Eventos

Realização da Fitur é a ousadia que o turismo precisa para ser retomado, diz OMT

cena-gala_1

Zurab Pololikashvili, secretário-geral da OMT, em Madri (Divulgação/OMT)

A Organização Mundial do Turismo (OMT) reuniu líderes dos setores público e privado para enviar uma mensagem de que o turismo está pronto para voltar, comemorando o retorno da Feira Internacional de Turismo (Fitur), em Madri. O secretário-geral Zurab Pololikashvili deu as boas-vindas aos convidados do Teatro Real de Madrid. Segundo ele, a decisão de realizar a Fitur é o tipo de ousadia de que o turismo precisa para ser retomado.

“Agora é a hora de ambição e passos ousados. A decisão de hospedar o FITUR é o tipo de ousadia de que precisamos se quisermos reiniciar o turismo e, assim, iniciar uma recuperação mais ampla. E essa demonstração de unidade é o tipo de cooperação de que precisamos para reiniciar o turismo de forma coordenada e responsável, para o benefício de muitos milhões de pessoas em todo o mundo”, disse o secretário-geral.

Na Fitur 2021, a OMT ainda abordou alguns dos principais desafios que o turismo enfrenta, ao mesmo tempo que avança com soluções para sua recuperação segura, responsável e sustentável. Na sequência da final do Concurso Global Startup de ODS da OMT, a organização também está promovendo a promoção de investimentos no turismo africano, bem como o fortalecimento de parcerias com atores do setor privado.

Receba nossas newsletters