Crie um atalho do M&E no seu aparelho!
Toque e selecione Adicionar à tela de início.

Destinos / Feiras e Eventos

Apresenta classifica restrições no RJ como ‘movimentação desnecessária’

Pedro Guimarães, da Apresenta Rio

Pedro Guimarães, presidente da Apresenta

A Apresenta (Associação dos Promotores de Eventos do Setor de Entretenimento e Afins) foi pega de surpresa com o anúncio das novas medidas restritivas no Rio de Janeiro, que entraram em vigor na última sexta-feira (5). De acordo com Pedro Guimarães, presidente da Apresenta, o Rio de Janeiro vem num avanço positivo dos índices da doença, e o decreto gerou mais uma movimentação desnecessária no setor.

“Esta decisão nos pegou totalmente de surpresa. Não esperávamos que isso acontecesse neste momento. O setor de entretenimento e eventos, tem seguido os mais rigorosos protocolos de segurança, e com as medidas de um dia para o outro ficamos sem qualquer tempo de planejamento. O segmento já foi duramente atingido pelos efeitos da pandemia e que clama que os projetos formais não sejam penalizados por aqueles que não cumprem as medidas obrigatórias. Estamos pagando uma conta cara por quem não cumpre as regras”, reforça.

Neste momento, a Apresenta busca soluções junto aos parlamentos para ajudar o setor na sua recuperação e tem dialogado continuamente com a Prefeitura do Rio quanto com o Governo do Estado.

“Acredito que juntos possamos encontrar soluções mais efetivas e justas. Se seguirmos desta for- ma, mais empresas vão quebrar e o problema maior para os trabalhadores não será mais o Vírus, mas a fome e o desemprego. O setor não conseguirá suportar uma nova onda de fechamentos como vivemos no ano passado”.

Receba nossas newsletters