Crie um atalho do M&E no seu aparelho!
Toque e selecione Adicionar à tela de início.
De acordo com a legislação atual, informamos que a nossa empresa NÃO utiliza cookies para melhorar experiências a quem nos acessa. Por favor leia nossa Política de privacidade e saiba mais sobre a transparência e Governança Corporativa da nossa organização.
OK

Destinos / Vídeos

Foz do Iguaçu lança segunda edição da campanha de retomada ‘Vem pra Foz’

60ec814a6879eImage_2021-07-12_at_12.29.30Começa a ser divulgada, nesta semana, a segunda edição da campanha “Vem pra Foz!”, baseada no tripé “ver, sentir e viver”, dentro de um projeto de retomada da economia da cidade, que foi sucesso em 2020. O projeto tem o turismo como principal atividade econômica da região de Foz do Iguaçu. Assim como na primeira edição da campanha, divulgada em setembro do ano passado, o Vem pra Foz! incentiva a volta dos turistas ao Destino Iguaçu.

“Com a flexibilização dos decretos e o aumento da vacinação, a expectativa é que os turistas voltem a viajar. No ano passado saímos na frente como roteiro seguro e agora queremos reforçar não apenas esse conceito, mas valorizar a diversidade de experiências que o Destino Iguaçu oferece”, diz o presidente do Codefoz, Felipe Gonzales.

Com o mote “Natureza, emoção e muita energia. Várias viagens num só destino”, a ideia da campanha é mostrar que a região tem um grande pacote de atrativos, como as Cataratas do Iguaçu, a Itaipu, o Marco das Três Fronteiras, aliados a shows e diversão para toda as idades, boa hotelaria e estrutura de conforto que inclui compras e gastronomia diversificada em uma região que reúne três fronteiras: Brasil, Paraguai e Argentina.

No fim de semana, o ministro do Turismo, Gilson Machado Neto, visitou Foz do Iguaçu e manifestou apoio à campanha. Segundo ele, a cidade tem “destinos turísticos incríveis e agora liberados para eventos. Então, contém com o apoio do Ministério do Turismo”, destacou Gilson.

“Além de o próprio Complexo Turístico Itaipu (CTI) ser um importante atrativo, a empresa também atua na promoção da atividade turística como forma de estimular o desenvolvimento da região de fronteira”, diz o diretor-geral brasileiro de Itaipu, general João Francisco Ferreira.

 

 

Receba nossas newsletters