Crie um atalho do M&E no seu aparelho!
Toque e selecione Adicionar à tela de início.

Agências e Operadoras / Aviação

Cerca de 95% das vendas indiretas via NDC são para viagens de lazer, diz Iata

Em relação a outros mercados, empresários brasileiros estão menos pessimistas

Hoje, mais de 60 companhias aéreas já são certificadas pela NDC

Cerca de 10% das vendas de bilhetes aéreos de agências de viagens já acontecem via NDC (New Distribution Capability – Nova Capacidade de Distribuição) da Associação Internacional do Transporte Aéreo (Iata). A informação foi compartilhada pelo diretor de Distribuição da Iata, Yanik Hoyles, que revelou um crescimento em comparação com os 5-6% registrados em janeiro de 2021.
As vendas indiretas via API são feitas por meio de uma agência de viagens ou OTA.

A porcentagem é promissora, disse Hoyles, especialmente porque os GDSs não estão em plena produção de NDC. Várias empresas de gerenciamento de viagens (TMCs) de médio porte ainda planejam contar com seu GDS para conteúdo NDC.

Hoyles estimou que 95% das vendas indiretas da NDC são para viagens de lazer. Ele identificou três razões por trás disso: viagens de negócios reprimidas durante a pandemia, viagens de lazer sendo mais fáceis e as TMCs aguardando seus GDSs.

Hoje, mais de 60 companhias aéreas já são certificadas pela NDC, disse Hoyles, representando mais da metade do volume de passageiros da Iata. Embora diferentes partes estejam se mexendo velocidades diferentes com a adoção do NDC, a iniciativa está avançando, finalizou o diretor.

Fonte: Travel Weekly

Receba nossas newsletters
 

Todo o conteúdo produzido pelo Mercado & Eventos é protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral. Não reproduza o conteúdo sem autorização do Mercado & Eventos.

Para compartilhar esse conteúdo, utilize uma das formas de compartilhamento dentro da página.