Crie um atalho do M&E no seu aparelho!
Toque e selecione Adicionar à tela de início.

Aviação

Preço do QAV acumula aumento de 71% em 2021 e preocupa Abear

Redução vale pra aéreas que operarem sistema de hub em aeroportos do Rio de Janeiro ou que tiverem voos para o interior do estado (Divulgação)

O aumento no acumulado no ano supera o dos dois combustíveis mais comercializados no país, a gasolina e o diesel

O preço do querosene de aviação (QAV), que historicamente corresponde a um terço das despesas do setor, acumula em 2021, entre janeiro e outubro, uma alta de 71,1%. Somente no mês de outubro, o preço do QAV subiu quase 20%. O aumento no acumulado no ano supera o dos dois combustíveis mais comercializados no país, a gasolina e o diesel, que apresentaram altas de 44,8% e 57,1%, respectivamente, entre janeiro e outubro.

“A alta do QAV em 2021 ilustra a pressão que os custos operacionais estão exercendo sobre as companhias aéreas. Em um momento de recuperação da pior crise da história da aviação, este índice expressivo se apresenta como um grande desafio para uma retomada sustentável”, afirma o presidente da Associação Brasileira das Empresas Aéreas (Abear), Eduardo Sanovicz.

O impacto do aumento no combustível se soma aos seguidos recordes de cotação do dólar frente ao real, uma vez que cerca de 51% dos custos das companhias aéreas são indexados pela moeda norte-americana, incluindo itens como arredamento de aeronaves, seguros e manutenção.

Receba nossas newsletters
 

Para compartilhar esse conteúdo, por favor utilize o link https://www.mercadoeeventos.com.br ou utilizando uma das formas de compartilhamento dentro da página. Todo o conteúdo produzido pelo Mercado & Eventos é protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral. Não reproduza o conteúdo sem autorização.