Crie um atalho do M&E no seu aparelho!
Toque e selecione Adicionar à tela de início.
De acordo com a legislação atual, informamos que a nossa empresa NÃO utiliza cookies para melhorar experiências a quem nos acessa. Por favor leia nossa Política de privacidade e saiba mais sobre a transparência e Governança Corporativa da nossa organização.
OK

Aviação / Política

Agência Nacional de Aviação Civil terá nova unidade no Rio de Janeiro

Francisco Edson Gomes

A mudança para o Palácio da Fazenda está prevista para o primeiro semestre de 2022 (Francisco Edson Gomes)

A Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) mudará, em breve, a sua unidade no Rio de Janeiro, localizada atualmente no edifício Torre Boavista, para instalações dentro do Palácio da Fazenda, no centro da cidade. A mudança predial vai gerar uma economia mensal estimada de R$ 500 mil, totalizando R$ 30 milhões em cinco anos, parte da nova etapa dos programas Unifica e Racionaliza, do Governo Federal, para a otimização e redução dos custos orçamentários.

Os novos espaços devem passar por intervenções nas instalações elétricas, de lógica, de climatização, hidrossanitárias e de arquitetura. O projeto de transferência, que inclui as obras necessárias e o transporte de equipamentos, deve custar cerca de R$ 6,68 milhões, que serão pagos em aproximadamente 13 meses, com a economia gerada. A mudança para o Palácio da Fazenda está prevista para o primeiro semestre de 2022.

Atualmente, além da unidade do Rio de Janeiro, também estão em vigor procedimentos e negociações para transferência das instalações do Núcleo Regional de Aviação Civil (Nurac) de Curitiba, que deverá ser anunciada ainda este ano.

Receba nossas newsletters