Crie um atalho do M&E no seu aparelho!
Toque e selecione Adicionar à tela de início.

Aviação

Copa retomará operações com apenas 30% da frota

O Panamá anunciou restrições de entrada no país mas o transito de conexão no aeroporto segue normal

No retorno companhia contará com apenas 30 de suas 102 aeronaves (Pedro Menezes/M&E)

A Copa Airlines está pronta para retomar suas operações no próximo dia 26 de junho. Mas este início de operações contará com apenas 30% de suas 102 aeronaves em operação, o que deve resultar entre 10% e 15% da capacidade ofertada pela companhia. A expectativa é atingir 40% até o fim do ano. Antes da pandemia, a Copa operava com uma média de 350 voos diários, conectando 80 cidades em 33 países das Américas e do Caribe.

Em entrevista à agência EFE, o diretor sênior de Manutenção da companhia aérea, Daniel Cohen, destacou que, de toda a frota, apenas 30 aeronaves irão operar nesta retomada. “Estimamos ter cerca de 30 aeronaves prontas para retornar, representando 30% da frota total. A demanda inicial será muito menor, mas já temos um plano e esperamos que o mercado estimule”, destacou. Cohen ressaltou ainda que todas as aeronaves passaram por um processo de manutenção desde a suspensão das operações

A Copa Airlines está sem operar desde que o governo do Panamá suspendeu os voos internacionais por um período de 30 dias em 22 de março, uma medida que foi estendida e está em vigor até 23 de junho. Portanto, a empresa adiou a volta das operações para 26 de junho.

Receba nossas newsletters