Crie um atalho do M&E no seu aparelho!
Toque e selecione Adicionar à tela de início.

Aviação / Destinos

Obras de expansão do aeroporto do Recife serão entregues em outubro de 2023

AENA 03.08 - Chico Andrade - Setur (69)

Executivos em visita às obras do aeroporto (Chico de Andrade)

O Aeroporto Internacional do Recife/Guararapes passa por um série de reformas para modernização e ampliação, parte do investimento de R$ 1,4 bilhão da Aena Brasil em seus aeroportos. Com previsão de entrega até outubro de 2023, o aeroporto terá uma área de embarque sete mil m² maior, além de novas lojas de alimentação, um mini mercado, novas salas vip e auditório, novo sistema de bagagem automatizado, novas pontes de embarque e reforma das atuais, pátio e sala de embarque remoto ampliados e um novo píer internacional.

Os fluxos serão melhor sinalizados e mais intuitivos e está prevista a automação do controle de passaportes com e-gates e dos acessos ao canal de inspeção, agora com leitura digital dos cartões de embarque, mas adaptável para biometria. Serão mais de 24 mil m² em novas áreas, incluindo o píer internacional reversível.

Ainda serão realizadas a recuperação paisagística da Praça Ministro Salgado Filho, de acordo com o projeto original de Burle Marx, melhorias no trânsito com implantação de sinalização inteligente e construção de novo terminal intermodal. A secretária de Turismo e Lazer de Pernambuco, Milu Megale, e o presidente da Empetur, Antonio Neves Baptista, participaram de visita às obras no Aeroporto e apresentação do projeto na sede corporativa da Aena, administradora do equipamento aeroportuário.

AENA 03 (11)

Com previsão de entrega até outubro de 2023, o aeroporto terá uma área de embarque sete mil m² maior, além de novas lojas de alimentação (Chico de Andrade)

“Essa modernização e ampliação do nosso Aeroporto é fundamental para atender com qualidade todos os visitantes e a nossa população. Operamos 39 destinos com uma média diária de 211 voos. Conhecer o Plano Diretor e a capacidade planejada e ver o progresso da obra nos anima a trabalhar ainda mais a promoção de Pernambuco”, afirma Milu Megale.

O Aeroporto figura entre os seis maiores em número de passageiros embarcados e o quarto em volume de cargas. Só neste mês de julho, houve um aumento de 10% no número de assentos nos voos operados no equipamento em relação ao mesmo mês de 2019. O equipamento é conhecido por ter a maior pista de pousos e decolagens do Norte e Nordeste.

“Iremos implantar novas áreas de escape, tornando a operação ainda mais segura. O Aeroporto do Recife já tem também o diferencial de ter o tempo total de viagem menor em relação a outros destinos devido a sua localização estratégica, o que torna a viagem ainda mais atrativa ao passageiro”, comenta Marcelo Bento, diretor de Relações Institucionais e Comunicação da Aena no Brasil, que prevê até dezembro a inauguração de uma nova área para aviação geral.

Segundo o presidente da Empetur, Antonio Neves Baptista, o Recife tem conectividade superior a qualquer outro aeroporto da região. “Temos mais destinos domésticos e estamos conectados a todas as principais cidades do Nordeste e a maioria das capitais do país.”

Receba nossas newsletters
 

Todo o conteúdo produzido pelo Mercado & Eventos é protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral. Não reproduza o conteúdo sem autorização do Mercado & Eventos.

Para compartilhar esse conteúdo, utilize uma das formas de compartilhamento dentro da página.