Crie um atalho do M&E no seu aparelho!
Toque e selecione Adicionar à tela de início.

Aviação / Destinos / Política

Peru autoriza retomada de voos para o Brasil a partir de novembro

Aeroporto Jorge Chavez, em Lima

Aeroporto Jorge Chavez, em Lima

O Governo do Peru anunciou que a partir de novembro deve retomar voos internacionais para mercados importantes como Brasil, Estados Unidos, México e Argentina. Também estão nesta lista outros países como Jamaica, República Dominicana Costa Rica, El Salvador.

Esta é a segunda fase de aumento de conectividade. O país iniciou sua reabertura em outubro, permitindo voos para Equador, Bolívia, Colômbia, Panamá, Paraguai, Uruguai e Chile.

O Ministério dos Transportes e Comunicações do Peru informou que a decisão se baseia no plano do Executivo de fazer uma saída ordenada do isolamento a que a pandemia sujeitou o país. Prova disso é que o Presidente Martín Vizcarra anunciou o início do processo de abertura gradual das fronteiras terrestres , que são as que mais preocupam as autoridades de todo o continente.

O órgão informou que os novos voos de e para a América do Norte incluirão as cidades de Los Angeles, Nova York, Orlando, Miami, Houston, Atlanta, Cidade do México e Cancún. As do Caribe e da América Central, a Havana, Montego Bay, Punta Cana, San José e San Salvador. E os da América do Sul, as brasileiras Rio de Janeiro, São Paulo, Brasília, Porto Alegre e Foz de Iguaçu, além de Cartagena, na Colômbia, e Buenos Aires, Rosário, Mendoza, Córdoba e Tucumán, na Argentina.

Receba nossas newsletters
 

Todo o conteúdo produzido pelo Mercado & Eventos é protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral. Não reproduza o conteúdo sem autorização do Mercado & Eventos.

Para compartilhar esse conteúdo, utilize uma das formas de compartilhamento dentro da página.