Crie um atalho do M&E no seu aparelho!
Toque e selecione Adicionar à tela de início.

Aviação / Curiosidades / Serviços / Turismo em Dados

Mulheres representaram quase 69% da busca por passagens em 2018, diz pesquisa

shutterstock_326660333

Pesquisa do Voopter revela que as mulheres representaram quase % das buscas por passagens aéreas em 2018.

Um levantamento realizado pelo Voopter revelou que as mulheres representaram a maioria entre os viajantes que buscaram por bilhetes aéreos em 2018, com 68,7%, contra 31,3% dos homens Ainda de acordo com a pesquisa, a maioria das buscas foi realizada por paulistas e cariocas, sendo que as mulheres jovens lideraram o uso do app.

Dentro do site, 36,22% daquelas que pesquisaram por passagens aéreas no último ano estavam na faixa entre 25 e 34 anos; entre 35 e 44 anos o percentual foi de 22,53%. “Ainda há muito o que ser conquistado pelas mulheres em todos os setores, inclusive no turismo. Contudo, o debate sobre a inserção do gênero feminino na indústria turística vem sendo ampliado e isso já é uma pequena vitória”, avalia a General Manager do Voopter, Juliana Vital.

Vital lembra que o tema liderança no turismo já entrou na pauta dos grandes eventos do setor. “É o caso da própria WTM-LA, que neste ano vai ter o Women in Travel. Iniciativas como esta devem se espalhar. É uma nova tendência já que a realidade ainda é bastante desfavorável para as mulheres no mercado de trabalho e quanto maior a escolaridade, maior a desigualdade”, revelou.

Juliana Vital, General Manager do Voopter

Juliana Vital, General Manager do Voopter

Os resultados de outra pesquisa do Voopter, feita em 2018 com mais de cinco mil mulheres viajantes, mostram que a maioria delas não viaja a trabalho (74,6%) e, quando o assunto é lazer, elas embarcam apenas uma vez ao ano (41,4%) ou até três vezes nesse mesmo período (35,3%). Entre elas, pelo menos 41,7% respondeu que gosta de viajar sozinha — e apenas 6,6% dizem que deixam de viajar por causa de filhos.

“Infelizmente, apesar de o gênero feminino liderar a busca por bilhetes aéreos, na hora de embarcar no avião, a mulher ainda não é maioria. Isso mostra que a mulher tem um papel fundamental na programação da viagem, mas muitas vezes, por motivos diversos, acaba não viajando”, explica a General Manager.