Crie um atalho do M&E no seu aparelho!
Toque e selecione Adicionar à tela de início.

Cruzeiros

Norwegian Cruise Lines anuncia estratégias de crescimento no Alasca

Um dos anúncios da Norwegian Cruise Lines é o píer exclusivo em Icy Strait Point

Um dos anúncios da Norwegian Cruise Lines é o píer exclusivo em Icy Strait Point

A Norwegian Cruise Lines anunciou iniciativas estratégicas para fortalecer sua posição no mercado de cruzeiros no Alasca, com o intuito de crescimento rápido. Esses investimentos seguem o anúncio da empresa no início deste ano de sua parceria com a Huna Totem Corporation, de propriedade nativa do Alasca, para desenvolver um segundo píer de cruzeiro em Icy Strait Point, o destino de navios de cruzeiro de classe mundial da Huna Totem em Hoonah, no Alasca.

Recentemente, a companhia firmou um contrato de atracação preferencial de 30 anos com o Ward Cove Dock Group. Esse contrato permite a construção de um novo píer de navio duplo em Ward Cove, Ketchikan, Alasca. O píer será construído para acomodar simultaneamente dois dos navios da classe Breakaway Plus da Norwegian Cruise Line, com 4.000 passageiros e espera-se que esteja pronto para a temporada de verão 2020.

A companhia também ganhou recentemente uma licitação competitiva para a última parcela da orla marítima na maior região de Juneau, no Alasca, e está engajando as partes interessadas locais, incluindo líderes governamentais, empresariais e comunitários, no desenvolvimento de um plano que beneficiará a cidade e suas diversas partes interessadas e a companhia.

“A beleza natural do Alasca faz deste um dos destinos mais populares para se visitar e nossos investimentos na região permitirão proporcionar aos nossos hóspedes uma melhor experiência do mundo, enquanto exploram as maravilhas da Última Fronteira”, disse Frank Del Rio, presidente e diretor executivo da NCL. “Essas iniciativas estratégicas marcam os últimos passos de nossos esforços em andamento para promover o desenvolvimento econômico da região e causar um impacto econômico e ambientalmente positivo na indústria do turismo no Alasca”, completou.

Receba nossas newsletters