Crie um atalho do M&E no seu aparelho!
Toque e selecione Adicionar à tela de início.

Serviços

Intenção de consumo tem o melhor junho desde o início da pandemia, diz CNC

Shopping no centro de Brasília tem movimento intenso no último fim de semana antes do Natal

Shopping no centro de Brasília tem movimento intenso no último fim de semana antes do Natal

A Intenção de Consumo das Famílias (ICF) superou, em junho, os resultados apresentados no mesmo mês de 2020 e 2021, durante o auge da pandemia. Segundo a pesquisa apurada pela Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC), o indicador apresentou crescimento em todos os meses de 2022, alcançando 80,2 pontos neste mês, um avanço acumulado de 10,1% no primeiro semestre do ano.

Apesar da melhora geral do indicador, os homens revelaram maior intenção de consumo do que as mulheres, com uma diferença de 6,4 pontos. “As escolhas de consumo nas classes com rendas mais baixas são mais influenciadas pelas flutuações econômicas, por conta de o orçamento familiar ser mais apertado”, disse o presidente da CNC, José Roberto Tadros

De acordo com a análise da CNC, o aumento pode ser atribuído às medidas de suporte à renda e a uma avaliação mais positiva do mercado de trabalho. Na comparação anual, destaque para o crescimento de 13,3 pontos na intenção de consumo das famílias com ganhos até dez salários mínimos, que atingiu 77,3 pontos, em junho, fazendo com que elas se aproximassem mais da parcela de famílias com ganhos acima de dez salários mínimos, que alcançou 94,3 pontos.

Receba nossas newsletters
 

Todo o conteúdo produzido pelo Mercado & Eventos é protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral. Não reproduza o conteúdo sem autorização do Mercado & Eventos.

Para compartilhar esse conteúdo, utilize uma das formas de compartilhamento dentro da página.