Crie um atalho do M&E no seu aparelho!
Toque e selecione Adicionar à tela de início.

Destinos / Política

União Europeia exclui brasileiros da lista de turistas que poderão entrar na Europa

Brasil e Estados Unidos ficaram de fora da lista de países que poderão enviar turistas à Europa a partir desta quarta-feira, dia 1° de julho, com a reabertura das fronteiras. A União Europeia divulgou nesta terça-feira (30) a lista de 15 países que terão fronteiras abertas com o continente e assim poderão enviar seus turistas: Argélia, Austrália, Canadá, China, Geórgia, Japão, Montenegro, Marrocos, Nova Zelândia, Ruanda, Sérvia, Coreia do Sul, Tailândia, Tunísia e Uruguai.

União Europeia

Autoridades disseram que a lista será revisada a cada duas semanas para atender aos constantes parâmetros do surto de coronavírus em todo o mundo

A decisão já vinha sendo analisada pela UE na última semana. A própria US Travel Association já tinha se posicionado, nesta segunda-feira (29), sobre o banimento da entrada de norte-americanos. Na ocasião, a associação norte-americana condenou veementemente a decisão da Europa de fechar as portas para turistas provenientes dos EUA.

Lista será revisada a cada duas semanas para atender aos constantes parâmetros do surto de coronavírus em todo o mundo.

Como adiantado pelo M&E, nessa segunda-feira (30), apenas o Uruguai está na lista de países autorizados a enviar turistas à Europa de toda a América do Sul. Sendo assim, além de Brasil, Argentina, Chile, Uruguai, Paraguai e todos as outras nações ainda terão que esperar as novas atualizações para saber quando reabrirão as fronteiras com o Velho Continente.

Autoridades disseram que a lista será revisada a cada duas semanas para atender aos constantes parâmetros do surto de coronavírus em todo o mundo. As restrições atuais às viagens não essenciais para todos os 27 estados membros, além da Suíça, Noruega, Islândia e Liechtenstein, foram introduzidas em 16 de março e estendidas duas vezes até 1º de julho.

Receba nossas newsletters