Crie um atalho do M&E no seu aparelho!
Toque e selecione Adicionar à tela de início.

Aviação / Política

Ação na justiça pede suspensão de concessão do Aeroporto de Recife

Aeroporto de Recife está no bloco do Nordeste, considerado o mais atrativo desta rodada.

Aeroporto de Recife está no bloco do Nordeste, considerado o mais atrativo desta rodada

O ex-secretário de Turismo de Pernambuco e deputado federal, Felipe Carreras, entrou com uma nova ação popular na Justiça Federal para barrar o processo de concessão do Aeroporto do Recife do bloco Nordeste. Para o parlamentar, o modelo de concessão em bloco pode prejudicar a competitividade do estado. Segundo ele, o aeroporto deve ser privatizado individualmente.

Em novembro de 2018, o procurador regional da República Antonio Carlos Barreto, opinou em parecer ao Tribunal Regional Federal da 5ª região (TRF5) pela suspensão da publicação do edital de leilão do Aeroporto do Recife, a pedido de Carreras, questionando o mesmo modelo de privatização em bloco com outros cinco: Aracaju (SE), Maceió (AL), João Pessoa (PB), Campina Grande (PB) e Juazeiro do Norte (CE). A ação foi rejeitada.

Pelo Twitter, nesta segunda-feira (11), o presidente Bolsonaro reafirmou o leilão de concessão de 12 aeroportos, incluindo o do Recife. Nesta terça (12), as empresas e consórcios interessadas devem apresentar suas propostas.