Crie um atalho do M&E no seu aparelho!
Toque e selecione Adicionar à tela de início.

Aviação

Ajuda humanitária da Azul ao Rio Grande do Sul já atingiu mais de 2,5 mi toneladas

Copia de 11.05 VCP1 Ajuda humanitária da Azul ao Rio Grande do Sul já atingiu mais de 2,5 mi toneladas

As equipes das áreas na Azul que cuidam de aeroportos e cargas trabalharam em um plano paralelo para garantir que o transporte de mantimentos, itens essenciais e todo o tipo de donativos também pudesse ser feito por terra e pelo mar (Divulgação)

A Azul tem unido esforços não apenas entre suas equipes e unidades de negócios, mas também junto a seus parceiros para acelerar a ajuda humanitária ao Rio Grande do Sul. Para cumprir, em tempo recorde, a entrega de todas as doações recebidas em seus mais de 500 postos de arrecadação – ou seja, suas bases nos aeroportos, seus hangares e suas lojas da Azul Cargo e da Azul Viagens pelo país –, a companhia precisou ir além da ampla capilaridade da sua malha aérea, da diversidade de sua frota e das centenas de voos extras especialmente dedicados à essa missão.

As equipes das áreas na Azul que cuidam de aeroportos e cargas trabalharam em um plano paralelo para garantir que o transporte de mantimentos, itens essenciais e todo o tipo de donativos também pudesse ser feito por terra e pelo mar. E, com a ajuda de parceiros – que ofereceram o serviço gratuitamente ou a preço de custo – e também dos serviços da Marinha do Brasil, caminhões e containers com boa parte das toneladas doadas conseguiram chegar até os desabrigados por rodovias e por via marítima.

Segundo Daniel Tkacz, vice-presidente de Operações da Azul, responsável pela coordenação deste trabalho, essa mobilização e apoio foi essencial para que a Azul pudesse dar vazão ao resultado da sua campanha interna e externa de arrecadação, que foi um sucesso maior do que o esperado. “Temos orgulho de ver que já transportamos a maioria das doações e faltam cerca de 500 toneladas para entregarmos, com segurança e agilidade, as doações que ainda estão em nossas bases”, conta.

Mesmo quando o último item chegar ao destino, a ajuda humanitária organizada pela Azul continua. Mas, agora, de outra forma. A companhia criou um Fundo Social Humanitário para angariar recursos e prestar apoio às pessoas impactadas pela tragédia climática no Rio Grande do Sul. Mas o objetivo é ainda mais abrangente. A Azul deve manter esse Fundo para apoiar futuramente vítimas de desastres naturais e crises sociais de grandes proporções.

As doações, sempre em espécie e sem valor mínimo, poderão ser efetuadas via transação bancária. Os dados da conta são: Banco Itaú, Ag. 0910, C/C 0099704-8, Associação Voar, CNPJ 35094152/0001-85.

Receba nossas newsletters
 

Todo o conteúdo produzido pelo Mercado & Eventos é protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral. Não reproduza o conteúdo sem autorização do Mercado & Eventos.

Para compartilhar esse conteúdo, utilize uma das formas de compartilhamento dentro da página.