Crie um atalho do M&E no seu aparelho!
Toque e selecione Adicionar à tela de início.

Destinos / Política / Turismo em Dados

Semana Santa, Tiradentes e grandes eventos impulsionam turismo no Brasil

O mergulho no rio é uma das experiências mais procuradas de Bonito

m Bonito (MS), mais de 22,5 mil pessoas visitaram a cidade no período

Dados compilados pelo Ministério do Turismo revelam que os feriados da Semana Santa, de Tiradentes e a retomada dos grandes eventos no país impulsionaram o turismo nos principais destinos em abril. Cidades como Bonito (MS), Balneário Camboriú (SC), Salvador (BA) e Florianópolis (SC), por exemplo, registraram recordes de ocupação hoteleira no último mês.

“O nosso trabalho é elevar o turismo além do patamar anterior ao da pandemia, e estamos no caminho certo para que 2022 seja o ano do turismo brasileiro, com mais emprego, renda e desenvolvimento para os nossos trabalhadores e experiências incríveis para os nossos visitantes”, concluiu o ministro do Turismo, Carlos Brito.

Em Bonito (MS), mais de 22,5 mil pessoas visitaram a cidade no período, a melhor taxa dos últimos sete anos, de acordo com o Observatório de Turismo (OTEB). Já Balneário Camboriú apresentou um aumento de 92% de ocupação, comparado ao mesmo período de 2021, e alcançou um recorde histórico de 68,79% de taxa hoteleira, conforme dados levantados pelo Balneário Camboriú Convention & Visitors Bureau.

salvador

No Nordeste, a taxa de ocupação hoteleira de Salvador no mês de abril chegou a 56,79%

No Nordeste, a taxa de ocupação hoteleira de Salvador no mês de abril chegou a 56,79%. O índice é superior ao registrado em 2019, quando 53,18% dos leitos ofertados estavam com hóspedes. Em Porto Seguro, dos cerca de 75 mil leitos, distribuídos entre Porto Seguro e os distritos Arraial d’Ajuda, Trancoso e Caraíva, 95% estiveram ocupados.

Ainda de acordo com os hoteleiros, o número de turistas tem se equiparado, durante as semanas dos feriados, ao movimento visto na semana de Réveillon de anos anteriores à pandemia de Covid-19.

EVENTOS – A volta dos eventos corporativos rendeu à rede hoteleira de Campinas (SP) uma alta expressiva na taxa de ocupação. Dados do Campinas e Região Convention & Visitors Bureau apontaram que a média em abril foi de 55,28% contra 50,28% registrados no mês anterior, março.

Receba nossas newsletters
 

Todo o conteúdo produzido pelo Mercado & Eventos é protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral. Não reproduza o conteúdo sem autorização do Mercado & Eventos.

Para compartilhar esse conteúdo, utilize uma das formas de compartilhamento dentro da página.