Crie um atalho do M&E no seu aparelho!
Toque e selecione Adicionar à tela de início.

Destinos / Turismo em Dados

Tempo de espera para entrevista de visto no consulado dos EUA chega a 11 meses

Brasileiros interessados em tirar o visto de turismo para os Estados Unidos precisarão de paciência. O tempo de espera para uma entrevista no Consulado dos EUA em São Paulo chegou a 321 dias – praticamente 11 meses. O tempo de espera atual em outras praças, como Porto Alegre, é de 269 dias. No Rio, a demora chega a 227 dias, enquanto em Brasília este número chega a 238 dias. O tempo menor é em Recife (179 dias).

Apesar disso, procura por destinos brasileiros caiu 16% em fevereiro (Foto: Carlos Severo/Fotos Públicas)

Apesar disso, procura por destinos brasileiros caiu 16% em fevereiro (Carlos Severo/Fotos Públicas)

O visto de turismo é o mais solicitado pelos brasileiros, respondendo por 92% de todas as solicitações de entrada realizadas junto ao governo americano. Nos dois primeiros meses de 2022, foram 111.037 vistos B1/B2 emitidos.

“Desde que as atividades consulares foram normalizadas, em novembro, temos visto uma demanda muito forte dos brasileiros pelo visto de turismo, seja para renová-lo ou solicitar pela primeira vez. Estas novas solicitações se somam àquelas que já estavam pendentes nos consulados e na Embaixada, mas que foram paralisadas em face da pandemia”, comenta o sócio-fundador da AG Immigration, Felipe Alexandre.

O chefe da seção de vistos do Consulado Geral dos Estados Unidos em São Paulo, Robin Busse, na época que as entrevistas foram retomadas, já tinha pedido paciência aos brasileiros neste processo. Isto porque, mesmo com a volta de todos os funcionários ao escritório, a retomada do ritmo pré-pandemia ainda esbarraria em certas restrições relacionadas à Covid-19.

Alexandre explica que os vistos emitidos agora já haviam sido solicitados antes e faziam parte do volume de pedidos represados durante os meses em que os consulados e a Embaixada ficaram fechados, atendendo apenas a casos de urgência. “Desde novembro, a quantidade de emissões do visto de visitante vem subindo, o que demonstra um esforço dos oficiais consulares em atender à crescente demanda”, diz.

Os Estados Unidos retomaram a normalidade na emissão e no agendamento de vistos para brasileiros em novembro. Logo no primeiro mês de reabertura dos postos consulares, a emissão de vistos cresceu 584% e chegou a 24 mil vistos. Um mês depois, em janeiro, foram emitidos 51.947 vistos e, no último mês de fevereiro, chegou a exatos 68.705 vistos emitidos.

O país já concedeu 120.652 vistos para brasileiros entre janeiro e fevereiro deste ano, número 6,6% maior do que a quantidade total de emissões em todo o ano de 2021 (113.123), justamente por conta das restrições da pandemia. Os dados são de um levantamento realizado pela AG Immigration, a partir de informações oficiais do Departamento de Estado dos EUA.

Receba nossas newsletters
 

Todo o conteúdo produzido pelo Mercado & Eventos é protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral. Não reproduza o conteúdo sem autorização do Mercado & Eventos.

Para compartilhar esse conteúdo, utilize uma das formas de compartilhamento dentro da página.