Crie um atalho do M&E no seu aparelho!
Toque e selecione Adicionar à tela de início.

Cruzeiros

Cruzeiros poderão voltar a operar com 100% de capacidade nos EUA

Porto de Miami, um dos mais movimentados dos Estados Unidos

Porto de Miami, um dos mais movimentados dos Estados Unidos

A ordem de navegação condicional (CSO) para navios de cruzeiro nos Estados Unidos, implementada pelo Centro de Controle e Prevenção de Doenças dos EUA (CDC), tem prazo para acabar neste sábado (15). A diretora do CDC, Rochelle Walensky, disse durante uma audiência no Senado que espera que o CSO expire conforme planejado, o que poderia permitir com que as companhias operassem com capacidade total de passageiros.

No entanto, ela lembrou que houve um aumento de 30 vezes nos casos de Covid em navios nas últimas duas semanas por causa da variante Ômicron e que espera que a maioria das armadoras continue seguindo a ordem de navegação, mesmo que expirada de forma oficial, de maneira voluntária.

Quando a ordem de navegação atualizada expirar, o CDC disse que será feita uma transição para um programa voluntário em coordenação com a indústria de cruzeiros para detectar, mitigar e controlar a disseminação de Covid-19 a bordo.

Walensky, por sua vez, lembrou que a indústria de cruzeiros “intensificou” e foi além das diretrizes do CDC. “O fato de que a indústria intensificou e agora está interessada em fazer e exceder a conformidade com o [CSO] sem que a ordem precise necessariamente estar em vigor é um testemunho real de quão bem isso funcionou e como trabalhamos em colaboração com a indústria”, disse Walensky.

Fonte: Travel Weekly

Receba nossas newsletters
 

Para compartilhar esse conteúdo, por favor utilize o link https://www.mercadoeeventos.com.br ou utilizando uma das formas de compartilhamento dentro da página. Todo o conteúdo produzido pelo Mercado & Eventos é protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral. Não reproduza o conteúdo sem autorização.