Crie um atalho do M&E no seu aparelho!
Toque e selecione Adicionar à tela de início.
De acordo com a legislação atual, informamos que a nossa empresa NÃO utiliza cookies para melhorar experiências a quem nos acessa. Por favor leia nossa Política de privacidade e saiba mais sobre a transparência e Governança Corporativa da nossa organização.
OK

Política / Serviços / Turismo em Dados

90% dos beneficiados pelo Fungetur são micro ou pequenas empresas

Micro e pequenas empresas são as principais beneficiadas com recursos do Fundo Geral do Turismo (Fungetur) que, por meio de taxas e juros diferenciados, disponibilizou R$ 5 bilhões para empreendedores do setor. As MPEs representam nove em cada 10 empreendedores beneficiados com a linha de crédito. Os dados foram divulgados pelo Ministério do Turismo.

ada5f89d-dbce-42c7-9ee9-776c7244440c

MTur disponibilizou R$ 5 bilhões em crédito para apoiar o setor de turismo em todo o país (Jade Queiroz/MTur)

O resultado dos cerca de R$ 1 bilhão contratado desde o ano passado é a manutenção de mais de 48 mil empregos diretos no setor em todo o país. Ao todo, 3.119 empresas e de Microempreendedores Individuais (MEI) receberam suporte do governo federal, por meio do Ministério do Turismo, para minimizar os impactos da pandemia de Covid-19 no setor de turismo.

“O Fungetur é uma conquista de milhares de empreendedores do setor do turismo brasileiro que, através do crédito disponibilizado por nós, conseguiram um fôlego para tocar o dia a dia de suas empresas e não fechar as portas, mantendo, assim, o emprego de milhares de trabalhadores brasileiros”, disse o ministro do Turismo, Gilson Machado Neto.

Ainda no ano passado, o Ministério do Turismo liberou um crédito histórico de R$ 5 bilhões, alcançando empreendedores de 684 municípios distribuídos em 21 unidades da federação. Apenas no ano passado, com a contratação de R$ 758,5 milhões por empreendedores do setor, o Fungetur registrou aumento de 1.004% na comparação com 2018 (R$ 68,6 milhões) e de 526% em relação aos valores contratados em 2019 (121,1 milhões). Neste ano, até abril, foram cerca de R$ 250 milhões contratados.

Receba nossas newsletters