Crie um atalho do M&E no seu aparelho!
Toque e selecione Adicionar à tela de início.

Agências e Operadoras

CVC Corp trabalha na unificação de suas marcas B2B

Luciano Guimarães, diretor das unidades B2B da CVC Corp

Luciano Guimarães, diretor das unidades B2B da CVC Corp

Quatro marcas e um só objetivo: vender para os agentes de viagens. Rextur Advance, Trend, Visual e Esferatur pertencem a CVC Corp e devem passar em breve por mudanças. Após a mudança organizacional iniciada em maio, com a escolha de Luciano Guimarães para comandar o que se passou a se chamar de B2B, veio a integração de sistemas e sinergias das equipes. O próximo passo é agora a unificação das marcas.

“Estamos trabalhando em uma junção das marcas. Foi contratada uma empresa especializada para fazer este estudo, que envolve pesquisas com clientes, fornecedores, colaboradores e acionistas. Provavelmente teremos uma só marca”, revelou Guimarães em entrevista exclusiva ao M&E. “Será um novo negócio, que chamaremos de um novo nome”, complementou.

De acordo com Luciano, estas são marcas muito antigas e tradicionais do Turismo e que os agentes de viagens consideram muito. Segundo ele, muitos têm história com estas empresas e, por isso é importante ouvi-los. “Percebemos que não existe uma resistência, porque hoje as marcas continuam separadas. Vejo muito o exemplo da Rextur, fez esta junção com a Advance e hoje todo mundo se acostumou. Isso é uma tendência e vai acontecer agora também. Aqui começamos a de B2B, porque são muitas marcas e, até o final do ano teremos uma nova”, disse.

A ESTRUTURA

Com as mudanças, a estrutura das unidades B2B também foi revista. A ideia é que mais enxuta ela se torne mais ágil e eficiente. Flávio Marques é o diretor de Vendas da RexturAdvance e Trend nas bases do Estado de São Paulo e regiões Norte e Nordeste; Leonardo Mignani, diretor de Vendas da Esferatur e Trend nas bases do Rio de Janeiro, Espírito Santo, Minas Gerais e regiões Centro-Oeste e Sul. Cleiton Feijó, diretor de Vendas da Visual Turismo em todo o Brasil, cuida também das vendas lazer da Trend. Esequiel Santos, nome muito reconhecido na Trend, passa a ser gerente de Relacionamento com o Mercado.

A área de Vendas Assistidas tem Cristiane Jayme como diretora de Atendimento de Produto Terrestre e Emerson Cardoso como gerente Executivo de Produto Aéreo para todas as marcas B2B. Como suporte, as unidades B2B têm Renata Esteves como diretora de Marketing e Rodrigo Camara como diretor de Planejamento Comercial. Por fim, Roberto Araujo é o gerente executivo de Operações.

VENDAS ASSISTIDAS

Outro ponto citado por ele é o relacionamento. Para Luciano, o Turismo é feito de pessoas e, para o agente de viagens quem está atendendo ele é muito importante, uma vez que ele confia muito nas pessoas. Por isso, foi criada uma nova área, a de Vendas Assistidas, que antes era chamada simplesmente de atendimento. “Temos ali especialistas que conhecem muito do negócio e navegam em ferramentas super técnicas. Eles apoiam o agente na venda”, contou.

As vendas se tornaram muito mais consultivas e a prestação de serviço neste momento aflorou muito. O conhecimento do produto é cada vez mais importante

De acordo com o executivo, este departamento ganhou muito mais importância neste momento, uma vez que as vendas passaram a levar um tempo muito maior. Isso porque as pessoas têm muito mais perguntas por conta dos protocolos e demais detalhes que passaram a acompanhar as viagens. “As vendas se tornaram muito mais consultivas e a prestação de serviço neste momento aflorou muito. O conhecimento do produto é cada vez mais importante”, acredita.

INTEGRAÇÕES

Desde que esta nova configuração foi definida, as integrações já tiveram início. Foram realizados cross-sellings, visitas virtuais, treinamentos e lives com agentes de viagens de todas as marcas B2B. Também foi implantada a plataforma Esfera fácil para todas as bases no Brasil e a unificação da Plataforma de Treinamento, a Aprimora.

“Neste período fizemos muita coisa. Acredito que escolhemos o momento certo, porque fora da pandemia seria muito mais difícil passar por este processo. Não estamos deixando de investir também, com produtos e promoções, além de estarmos na Abav Collab com todas as nossas marcas”, ressaltou.

PRODUTOS

Neste período a unidade B2B da CVC Corp também relançou a Central de Carros da Trend e o lançou a Central de Cruzeiros e a Central de Grupos, ambos na marca Visual. Outra novidade foi a inclusão de produtos voltados ao público LGBT, o Glamping, que são opções de hospedagem onde há uma experiência de acampamento com o mesmo conforto de um hotel, e pacotes acessíveis para pessoas com algum tipo de mobilidade reduzida.

Guimarães reitera ainda que tem visto algumas tendências, como a procura destinos como Maldivas, México e Caribe. “Em agosto, Maldivas foi um dos destinos que mais vendemos. Isso porque ele está aberto e sem casos de Covid. Quando o destino está aberto e se mostra seguro, as pessoas vão”, destacou.

Ainda sobre produtos, o executivo lembrou das chamadas “escapadas”, que são viagens de carro para destinos próximos. Como apoio, foram enviados folders virtuais aos agentes para que pudessem divulgar aos clientes colocando a sua própria marca.

Quando o destino está aberto e se mostra seguro, as pessoas vão

RETOMADA

As vendas já estão mais aquecidas, segundo Guimarães. Hoje a CVC Corp atua com cerca de 30% do volume de compras que era realizado há um ano. A volta aos mesmos patamares de 2019, ele acredita que só deve acontecer em 2022. A previsão é de que o volume de 2020 seja o equivalente a 50% do registrado ano passado. O segmento de lazer está liderando a retomada e a previsão é de que as viagens de negócios retornem com mais força no segundo semestre de 2021.

Receba nossas newsletters