Crie um atalho do M&E no seu aparelho!
Toque e selecione Adicionar à tela de início.

Agências e Operadoras

Integração de sistemas, fim do trabalho manual e precificação dinâmica: a transformação digital da CVC

Leonel Andrade, durante o Investor day

Leonel Andrade, durante o Investor day

A apresentação do CEO da CVC Corp, Leonel Andrade, durante o Investor Day, realizado nesta quarta-feira (10), trouxe a promessa de uma ‘transformação digital’, já anunciada em outros momentos pela companhia, mas nunca apresentada de uma maneira tão detalhada e com um expectativa de rápida implementação como no chamado ‘Projeto Mapa’.

O plano se estrutura em bases como unificação de sistemas e fim dos trabalhos manuais de integração. “Temos que eliminar, na medida do possível, mas de forma muito rápida, os trabalhos manuais”, afirmou o CEO. A expectativa é concluir essa ‘transformação’ em até dois anos. “Ao final de dois anos vamos ter uma empresa completamente transformada e 100% digitalizada. Este é um compromisso nosso”, completou.

O executivo chamou a estrutura atual de “concha de retalhos”, pelo número de sistemas existentes que não conversam entre si. Um dos exemplos são os sistemas de back office, dez ao todo, que precisam de integrações manuais. De acordo com ele, este cenário é decorrente do pouco investimento em tecnologia em meio a série de aquisições realizadas pela companhia nos últimos anos.

Projeto Mapa CVC

“A empresa fez uma opção, ao longo dos últimos anos, em aquisições muito fortes e consistentes, mas não fez nenhum investimento em sinergia, nenhum investimento em back office e nenhum investimento relevante em tecnologia, ou o fez de forma não unificada, talvez com um planejamento não adequado. O que a gente tem hoje é uma confusão, uma concha de retalhos. Temos enormes plataformas e sistemas que mal se falam entre si e dificultam a vida do cliente. Então é isso que é o Projeto Mapa, transformar tudo isso em uma coisa única”, explicou Leonel.

Atualmente, 37% dos sistemas de Back Office da CVC Corp ainda estão fora da Diretoria de Operações. A previsão é incorporar 100% do sistema até o 2º semestre. Com a unificação, a CVC estima um corte de 35% nos custos da área.

COMPANHIA ESPECIALIZADA EM TURISMO E NO TURISTA

Mas o primeiro passo desta transformação será focado na forma como o cliente utiliza os produtos da companhia. Uma nova plataforma, chamada ‘Minha CVC’, prevista para abril, contará com site e aplicativo para dispositivos móveis, nos quais serão disponibilizados todos os produtos e canais da CVC Corp. A plataforma funcionará de maneira customizada, sugerindo o melhor canal, de acordo com o perfil do cliente.

Essa nova plataforma multicanal contará com o portfólio B2B, B2C e das OTAs do grupo (Submarino, CVC Online e Almundo). A intenção é estabelecer um relacionamento completo com o cliente em toda a jornada, não só a compra em uma plataforma única, simples e amigável. Leonel salientou que este relacionamento e a criação de uma boa experiência para o usuário tem como foco garantir um melhor conhecimento do cliente, base na qual esta estruturado todo este processo de transformação digital da CVC Corp.

“A companhia sempre teve na sua estratégia o alto conhecimento de turismo, portanto é uma companhia baseada em canais e produtos. Nós temos que ser uma companhia baseada em clientes e conhecer e ser a maior companhia especializada em turistas do mundo. Na há sentido em criar um canal digital e não ter altíssimo conhecimento do cliente. A minha maior prioridade de curto prazo é o conhecimento dos clientes”, analisou o CEO

Projeto Mapa CVC

PRECIFICAÇÃO DINÂMICA

Neste contexto de digitalização, Leonel Andrade anunciou os planos da companhia de contar com uma precificação dinâmica de seus produtos, baseada em algoritmos e inteligência artificial. Esse formato de precificação levará em conta elementos como cliente, canal, produto, interesse e sazonalidade, para atingir um balanço adequado entre volumes e margens.

“O ideal é que a gente não saiba o preço do produto.  Não ter precificação dinâmica significa perder todos os dias oportunidades de construção de margem sustentável”, destaca Leonel Andrade.

Precificação dinâmica - CVC

Receba nossas newsletters