Crie um atalho do M&E no seu aparelho!
Toque e selecione Adicionar à tela de início.

Aviação / Fotos

M&E a bordo: veja como é voar de Air Canada entre São Paulo e Buenos Aires

A nova rota foi inaugurada no último dia 10 de dezembro, com o Boeing 787 Dreamliner da companhia.

A nova rota foi inaugurada no último dia 10 de dezembro, com o Boeing 787 Dreamliner da companhia.

BUENOS AIRES – Os brasileiros ganharam mais uma opção de voo para a Argentina. No último dia 10 de dezembro, a Air Canada iniciou operações entre São Paulo/Guarulhos e Buenos Aires/Ezeiza, uma extensão do voo original proveniente de Montreal. A bordo do moderno Boeing 787 Dreamliner, as operações inéditas acontecem quatro vezes por semana. E o M&E já  teve o privilégio de embarcar neste novo voo.

Veja a galeria de fotos abaixo

A novidade liga São Paulo a Buenos Aires todas as terças, quintas, sábados e domingos, em voos com duração média de três horas, saindo as 11h50, com chegada prevista a capital argentina as 14h45. Já a rota Buenos Aires-São Paulo acontecerá as segundas, terças, sábados e domingos, das 17h00 às 19h40.

A aeronave oferece três cabines (Signature Class, Premium Economy e Economy). A executiva oferece 30 assentos totalmente reclináveis, enquanto a premium oferece 21 e a econômica conta com 247 lugares. Para 2022, a companhia irá operar com o B777W, que oferece mais assentos, sendo 40 deles na executiva, 24 na premium e 336 na econômica.

Para 2022, a companhia pretende expandir o número de assentos ofertados na rota, incluindo mais assentos na signature e premium class.

“Antes da pandemia operávamos a rota São Paulo – Toronto diariamente. Agora, além desse voo, temos a rota São Paulo – Montreal quatro vezes por semana, com extensão para Buenos Aires. Com a retomada, fizemos um plano de expansão e já estamos operando a rota com praticamente o dobro de oferta”, afirmou Rosana Carvalho, representante de Vendas da Air Canada no Brasil.

Desde setembro de 2021, quando a companhia retomou suas operações no Brasil, a ocupação média dos voos está acima de 90%. “Tudo isso não seria possível sem os agentes de viagem.”

As operações entre São Paulo e Toronto são diárias, saindo do Aeroporto Internacional de Guarulhos. Desde setembro de 2021, quando a companhia retomou suas operações no Brasil, a ocupação média dos voos está acima de 90%. Dezembro e janeiro também já apontam bons números e devem seguir no nível de outubro.

“Tudo isso não seria possível sem os agentes de viagem que vendem Air Canada. É incrível como eles acreditaram na abertura das fronteiras e na qualidade do nosso serviço desde o começo. Muito obrigado por escolherem Air Canada e espero tê-los em breve em nossos voos”, afirmou o diretor geral da Air Canada no Brasil, Giancarlo Takegawa.

Na última semana, a companhia, em parceria com a OFB Operadora e Assist Card, levou cerca de 11 agentes de viagem para um famtour em Buenos Aires, na Argentina. Os agentes tiveram a oportunidade de conhecer o novo voo da Air Canadá e experimentar a Signature Class da aeronave.

A experiência de voar para Argentina com a Air Canada

A aeronave parte de São Paulo com destino a Buenos Aires todas as terças, quintas, sábados e domingos.

A aeronave partiu de São Paulo com destino a Buenos Aires as 11h50 do sábado (11).

Para embarcar com destino à Argentina, é necessário que os clientes da Air Canada realizem seu check-in no terminal 3, próximo a loja da Assist Card, no Aeroporto Internacional de Guarulhos. Os passageiros precisam apresentar, no momento do check-in, um teste de PT-PCR negativo, realizado até 72h antes do embarque, comprovante de vacinação com pelo menos duas doses, seguro viagem com cobertura para Covid-19 e uma declaração jurada exigida pelo governo argentino.

DUAS MALAS DE 32KG – Um dos diferenciais que a companhia oferece é a possibilidade do passageiro despachar até dois volumes de bagagem de até 32 kg cada. “Isso é algo muito interessante porque outras companhias não oferecem esta possibilidade ao passageiro sem cobrar um valor adicional”, explicou a executiva Rosana.

Durante todo o voo, é obrigatório o uso de máscaras. A companhia disponibiliza a todos os passageiros um kit CleanCare+, que consiste em uma máscara, álcool em gel e algumas instruções para conscientizar os clientes e atualizá-los sobre as medidas sanitárias exigidas a bordo.

Almoço da classe executiva.

Almoço da classe executiva.

REFEIÇÕES –  Na executiva, é servido um almoço, que consiste em um pão com manteiga de entrada, macarrão com frango de prato principal, e uma salada de frutas e trufa de chocolate para sobremesa. O cardápio varia de acordo com a disponibilidade. Para beber, está à disposição vinhos brancos, tintos e espumantes, destilados como uísque, refrigerantes, águas, entre outros. A premium também possui um serviço de bordo com almoço incluso, porém, as opções são diferentes da executiva. Já para a classe econômica, é servido uma refeição um pouco mais simples, que consiste em um sanduíche e opções de bebidas.

CONECTIVIDADE – A companhia ainda oferece um bom atendimento de bordo, com tripulação que fala idiomas como o espanhol. francês, português e inglês, além de uma extensa gama de entretenimento e serviços adicionais, como Wi-Fi.

CHEGADA À ARGENTINA – Na chegada a Buenos Aires, a entrevista com a imigração tende a ser simples, com perguntas básicas sobre motivo da viagem, duração e endereço de estadia. Contudo, é necessário apresentar novamente toda a documentação solicitada no check-in.

Documentação necessária para o Canadá

Aqueles que saem de Buenos Aires, com conexão em Guarulhos, ou até mesmo aqueles que partem direto de São Paulo para o Canadá tem regras novas a seguir. Atualmente, a entrada no Canadá depende da apresentação de alguns documentos. É necessário ter um comprovante de vacinação em inglês, com pelo menos duas doses ou dose única (todas as vacinas aprovadas pela OMS são aceitas pelo país); preencher o ArriveCan – um documento para a entrada no país – através do aplicativo; e apresentar resultado de teste PT PCR negativo, realizado até 72h antes do embarque.

Para ingresso no Canadá, os brasileiros também necessitam do visto. Porém, aqueles que já possuem visto americano válido ou já tiveram um visto canadense nos últimos dez anos, podem solicitar o eTA, ao custo de CAD 7,00. O documento é válido por cinco anos ou a validade do passaporte, o que for menor.

“A Air Canadá também é uma excelente opção para quem quer ir aos Estados Unidos. Nossos voos de Toronto e Montreal oferecem conexões rápidas e eficientes para várias cidades nos Estados Unidos. Além disso, um outro grande diferencial é poder fazer a imigração americana dentro do Canadá, o que facilita os procedimentos e evitando as filas nos grandes aeroportos americanos”, completou Rosana.

GALERIA:

Receba nossas newsletters
 

Todo o conteúdo produzido pelo Mercado & Eventos é protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral. Não reproduza o conteúdo sem autorização do Mercado & Eventos.

Para compartilhar esse conteúdo, utilize uma das formas de compartilhamento dentro da página.