Crie um atalho do M&E no seu aparelho!
Toque e selecione Adicionar à tela de início.

Aviação

American visa redução total de carbono com encomenda de motores elétricos a hidrogênio

Os motores destinam-se a alimentar aviões a jato regionais com zero emissões (Foto: reprodução)

Os motores destinam-se a alimentar aviões a jato regionais com zero emissões (Reprodução)

A American Airlines encomendou 100 motores elétricos a base de hidrogênio da ZeroAvia. A compra visa atingir o objetivo de emissão zero de carbono da atmosfera, até 2050. Os motores destinam-se a jatos regionais.

“Nosso investimento na tecnologia emergente de motores elétricos a hidrogênio da ZeroAvia tem o potencial de desempenhar um papel fundamental no futuro da aviação sustentável”, disse Derek Kerr, diretor financeiro da American. “Estamos empolgados em contribuir para o desenvolvimento desse setor e ansiosos para explorar como esses motores podem apoiar o futuro de nossa companhia aérea à medida que construímos a American Airlines para prosperar para sempre”, completou.

Prevê-se que o trem de força ZA2000-RJ permita que os passageiros voem em jatos regionais de emissão zero já no final da década de 2020. “Ter o apoio da maior companhia aérea do mundo é uma forte indicação do progresso que estamos fazendo no desenvolvimento do voo hidrogênio-elétrico e de emissão zero”, acrescentou o fundador e CEO da ZeroAvia, Val Miftakhov.

Receba nossas newsletters
 

Todo o conteúdo produzido pelo Mercado & Eventos é protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral. Não reproduza o conteúdo sem autorização do Mercado & Eventos.

Para compartilhar esse conteúdo, utilize uma das formas de compartilhamento dentro da página.