Crie um atalho do M&E no seu aparelho!
Toque e selecione Adicionar à tela de início.

Aviação

Pilotos da British Airways cancelam greve marcada para o próximo dia 27

A British Airways Airbus A380 lands at the Le Bourget airport near Paris, one day before the start of the 50th Paris Air Show, June 16, 2013. The Paris Air Show runs from June 17 to 23. REUTERS/Pascal Rossignol (FRANCE - Tags: BUSINESS TRANSPORT)

A ideia da Balpa, com o cancelamento da greve, é permitir que haja um período de reflexão por parte dos pilotos e da companhia, além de previnir possíveis embates de maior gravidade que poderiam causar “danos irreparáveis” à British Airways

A British Airways já se preparava para uma nova greve de pilotos britânicos, liderada pela Balpa (sindicato que representa esta categoria de profissionais no Reino Unido), marcada para o próximo dia 27 de setembro. Após cancelar quase 100% dos voos em grande paralisação realizada na última semana, o próprio sindicato voltou atrás, anunciou que a greve não será realizada, mas alertou que qualquer ação ainda pode ser realizada, ao menos que a companhia permaneça centrada nas novas negociações vantajosas para a categoria de pilotos britânicos.

A ideia da Balpa é permitir que haja um período de reflexão por parte dos pilotos e da companhia, além de previnir possíveis embates de maior gravidade que poderiam causar “danos irreparáveis” à British Airways. No último dia 9, o sindicato já tinha demonstrado a força e a fúria dos pilotos insatisfeitos, mas agora está certa de que a companhia irá mudar o tratamento e negociar de forma séria para o fim da disputa de uma vez por todas.

“Alguém tem que tomar a iniciativa de resolver esta disputa e, sem nenhum sinal da British Airways, os pilotos decidiram, por agora, seguir o rumo responsável. Em uma tentativa genuína de estabelecer um intervalo para o bom senso prevalecer, cancelamos a ameaça da greve marcada para o dia 27 de setembro”, afirmou o secretário geral da Balpa, Brian Strutton.

Receba nossas newsletters